sábado Brasil

no capricho caseiro

***

E pensar que feijoada era comida feita pelos e para os escravos e escravas – estes e estas aproveitando partes do que lhes era dado ou jogado, e assim, uma vez a carne cozida e também o feijão, alguns temperos, foram fazendo a base de uma comida que hoje é um patrimônio nacional, sendo que hoje se pode receber quaisquer pessoas em casa para um almoço, sem receio de se estar servindo-lhes algo de terceira ou de quinta classe.

Darlan M Cunha: foto e texto

3 comentários sobre “sábado Brasil

    1. Está convidada, Bia. Coisa de louco é essa tal de feijoada. Isto, sim, é que é suplício no pelourinho da fome. Vamos que vamos. Bom sábado.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s