Algum dom doce

FeliDSC01745

Felicidades, Dona MARIA JOSÉ, pelos 85

*

Dizem que o mundo tanto é quadrado quanto redondo, e que há tantas disparidades, egoísmos, cegueiras, mãos estendidas para dentro dos próprios bolsos, que ele até se torna risível, e que está cada vez mais afastando as pessoas de si mesmas, e das outras.

Pois bem, neste quadro caótico, filho da Pressa, ainda há quem seja capaz de ignorar todas estas mazelas, todos estes choques psíquicos, choques anafiláticos, ml e um atropelos, e fazer a alegria de um sem-número de criaturas.

***

Foto: Cris / Flaví

Texto: Darlan M Cunha

mães avós bisavós trisavós – 3

espinhos de sobra ... rosa e cacto

rosa e cacto: espinhos

*

     

     A minha avó materna teve nove filhos e filhas, minha mãe é a primogênita, que teve a tristeza de perdê-la em decorrência de parto do qual nasceu meu tio Nem – morto aos 33 anos, na Amazônia.

     Fico pensando sobre os dias que antecederam ao meu nascimento, indagando sobre que pensamentos teriam ressurgido na mente da minha mãe. Será que ela se lembrou do que ocorrera com a própria mãe Isaura, e teria se inquietado, compreensívelmente, às vésperas do seu primeiro parto (outros nove viriam, numa sequência assustadora, sequência que as mulheres, hoje, rejeitam, pela elasticidade nas relações, facilidade de consultas médicas, pelo horizonte dos anticoncepcionais, etc.

     Aqui estou, pensando (pensar cansa, estabiliza, ou não), e chupando caqui, ciente de que o mundo é das perguntas, inventa e reinventa encruzilhadas. Tudo é livro, mas deve ser escrito e, mais, entendido, segundo diz o vigário.

***

foto e texto: Darlan M Cunha